Domingo, 27 de maio de 2018, 08:44h


Publicidade

Trilegal
Sicredi
Tordilho

Este conteúdo precisa do Adobe Flash Player instalado.

Get Adobe Flash player


Newsletter

Jornal Tradição

Ano XII - Número 609 maio - 2018

Fechar X

Ano XII - Número 609

maio - 2018


Home Saude

Saúde

04-05-2018

A partir de terça-feira (8), Morro Redondo passará a contar com médico cardiologista 

Foto: Divulgação Médico cardiologista, Yuri Martins Almeida, que passará a atuar no município

Morro Redondo passará a contar com atendimento do médico cardiologista Yuri Martins Almeida, natural de Canguçu, a partir do próximo dia 8, no Hospital Dr. Ernesto Maurício Arndt. As consultas particulares acontecerão todas as terças-feiras, no turno da manhã, com hora marcada, no valor de R$150, agendadas no hospital ou pelo telefone (53) 98134-2959. 


Ele também atua no Hospital de Cardiologia da Santa Casa e no Hospital da Furg, em Rio Grande, e no Hospital Beneficência Portuguesa, em Pelotas. O cardiologista possui um consultório, em Pelotas, na rua XV de Novembro, 1051 e em Rio Grande, na rua General Bacelar, 378.



Almeida relatou em quais situações as pessoas devem procurar o cardiologista: a principal doença é o infarto, provocando morte súbita. Conforme dados do DATASUS, a nível nacional, 30% das mortes são ocasionadas devido a problemas cardiovasculares e no mundo, conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), 17 milhões de pessoas morrem vítimas destes problemas. 


Segundo o cardiologista, algumas dessas mortes poderiam ser evitadas se fossem diagnosticadas antes e tratadas de maneira adequada. Para evitar o infarto é preciso estar atento a alguns sinais, como: dor no peito (um aperto, queimação desencadeada por esforço físico ou alguma emoção forte), palpitação (sentir o coração disparar), tonturas, desmaios, (pois podem indicar algo errado com coração) e, caso tenha algum desses sintomas, em fase inicial, que apontam para doença arterial coronariana, ou seja, com obstruções de artérias que irrigam o coração, é preciso procurar um cardiologista.  


Almeida ressalta que hipertensão é um problema que faz entupir as artérias do coração, as pessoas podem não sentir nada, mas afeta o rim, o cérebro, dentre outros e por isso, a importância de ir ao médico, pelo menos uma vez ao ano, para fazer um checape que evitará um problema mais adiante, como o exame clínico - para ver como está o açúcar, colesterol, rim e eletrocardiograma. 


O exame de eletro é importante, segundo Almeida, porque pode detectar uma doença grave. Hoje em dia muitos, pensam que problemas do coração (infarto) atingem somente idosos, mas a realidade é diferente. Várias pessoas com 30 anos estão sofrendo deste mal, principalmente pessoas que fumam, que tem diabetes, obesidade, que são sedentários. O exercício é fundamental, porém necessita de liberação do médico após a realização de alguns exames que poderão indicar se está apto a praticar tal atividade. 


O cardiologista destaca algumas pessoas têm fatores não modificáveis, “mas que podemos tratar para que a doença aconteça somente lá na frente, como casos de genética que usamos os fatores modificáveis, que fazem com que a doença não apareça com 30 anos e sim só com 70 ou 80 anos, ou, ainda, nem venha acontecer. O que podemos fazer para colaborar é ingerir água - pelo menos 2 litros ao dia -, frutas, verduras, produtos integrais e, com moderação, comer churrasco, lanches, frituras, doces e produtos industrializados”. 


Outra preocupação, conforme Almeida, é que muitos acham que como tomam remédio, não devem se cuidar, mas aliado a isto, estão os cuidados diários e avaliação do médico, que dependerá de cada paciente, pois poderá ser a cada ano, seis meses, três meses e até de mês a mês. Quanto à cirurgia, ele salienta que também necessita de prevenção e acompanhamento profissional. 


Redator: Tradição Regional



A partir de terça-feira (8), Morro Redondo passará a contar com médico cardiologista 


Outras notícias desta editoria

Comentários (0)





Fechar  X

A partir de terça-feira (8), Morro Redondo passará a contar com médico cardiologista 





O Jornal Tradição Regional não se responsabiliza pelo conteúdo do comentário e se reserva ao direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.


Serão vetadas as mensagens que:


  • Não tratarem do tema abordado na notícia;
  • Sejam repetidas as enviadas pelo mesmo leitor, ainda que com outras palavras;
  • Tenham intenção publicitária, de propaganda partidária, eleitoral ou comercial;
  • Tenham conteúdo ou termos obscenos ou ofensivos;
  • Incentivem racismo, discriminação, violência, medo ou outros crimes;
  • Promovam participação de correntes, spams ou lixo eletrônico.


As opiniões expostas não representam o posicionamento do Jornal Tradição Regional, que não se responsabiliza por eventuais danos causados pelos comentários. A responsabilidade civil e penal pelos comentários é dos respectivos autores. O usuário tem ciência e concorda expressamente com a prerrogativa de restringir quaisquer conteúdos que violem ou que possam ser interpretados como violadores às disposições do presente instrumento.

Enviado com sucesso!

Em breve, o Jornal Tradição
Regional entrará em
contato com vocé.

ok

Fechar  X

A partir de terça-feira (8), Morro Redondo passará a contar com médico cardiologista 


Enviado com sucesso!

ok


Jornal Tradição Regional - O elo da notícia até você.

Av. Imperador Dom Pedro I, 1886, sala 1 - Bairro Fragata - CEP: 96030-350 - Pelotas/RS

E-mail: jornaltradicao@jornaltradicao.com.br / Telefone: (53) 3281 1514

© Todos os direitos reservados